Palavra do Pastor – Novembro 2016

Palavra do Pastor - Novembro 2016

Êxodo 20.3-6 – “Não terás outros deuses diante de mim. Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas de baixo da terra. Não te encurvarás a elas nem as servirás: porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a maldade dos pais nos filhos até à terceira e quarta geração daqueles que me aborrecem. E faço misericórdia em milhares aos que me amam e guardam os meus mandamentos.”

Este mandamento proíbe a adoração a outros deuses. No Velho Testamento, o povo de Israel não devia adorar, nem invocar nenhum dos deuses de outras nações. Deus lhe ordenou a temer e servir somente a Ele (Deut. 32.29; Jos 24.14-15).

Este mandamento aplicado para os crentes do Novo Testamento importa pelo menos em três coisas:

1º – A adoração do verdadeiro cristão deve ser dirigida exclusivamente a Deus. Não deve haver jamais adoração ou oração a quaisquer outros deuses, espíritos, ou pessoas falecidas, nem se permite buscar orientação e ajuda da fonte deles. (Lev. 17.7; Deut. 6.4 e 34.17; Sal. 106.37 e ICor 10.19 e 20)

2º – O primeiro mandamento trata principalmente, da proibição da adoração aos espíritos (de demônios) através do espiritismo, adivinhação, ocultismo e outras formas de idolatria (Deut. 18.9-22).

O verdadeiro cristão deve consagrar-se totalmente a Deus. O crente deve ter como seu propósito na vida, buscar e amar a Deus de todo o coração, de toda a alma e de todas as suas forças.

3º – Deus proíbe adoração à imagem de escultura e determina que nenhuma imagem seja feita (Deut. 4.19, 23-28). É totalmente vedado a qualquer pessoa fazer uma imagem do próprio Senhor Deus. Ele é infinitamente grandioso para ser representado por algo feito por mãos humanas. É impossível uma imagem ou quadro de Deus, que representem corretamente sua glória e caráter pessoais (Isa 40.18).

Os pensamentos e conceitos do verdadeiro cristão a respeito de Deus não devem basear-se em imagem ou pinturas, mas na Sua Palavra e na Sua revelação através da pessoa e obra de Jesus Cristo (João 17.3). O nome de Deus deve ser santificado, honrado e respeitado por ser profundamente sagrado, e deve ser usado somente de maneira santa.

Êxodo 23.24-25 – Não te inclinarás diante dos seus deuses, nem os servirás, nem farás conforme as suas obras: antes os derrubarás totalmente, e quebrarás de todo as suas estátuas. E servireis ao Senhor vosso Deus, e ele abençoará o vosso pão e a vossa água: e eu tirarei do meio de ti as enfermidades.


Pr. Daniel

compartilhar

Comentários

  1. Evangelista Hélcio Santos : novembro 17, 2016 at 3:34 pm

    O site está muito funcional e lindo! Parabéns a vocês!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest